- É normal que nem tudo nos agrade e que não nos identifiquemos com tudo. Não podemos agradar a gregos e a troianos.
- E também é normal que certas coisas não nos caiam no goto e nos façam torcer o nariz. É fácil achar que x ou y caiu no ridículo - mas também é fácil acharem o mesmo sobre nós.
- Não tem mal nenhum ceder a modas e ir com a maré. Não vale a pena criticar apenas porque meio mundo já tem ou quer aquela peça maravilhosa que toda gente fala.
- Mas também não há mal nenhum em querer ser um niquinho original.
- Inspirarmo-nos em algo que vimos por aí é normalíssimo.  No fundo, não é o que todas fazemos? Eu mesma inspirei-me neste post da Kate!
- Mas lembrem-se inspiração não é cópia, que isso sim é uma coisa muito feia.
- É normal haver 50 posts sobre a mesma coisa. Quando seguimos um tipo específico de blogs não podemos esperar artigos completamente dispares.
- Melhorar o português e tentar escrever de forma correcta e coerente nunca fez mal a ninguém...!
- Não tem mal fazer posts com fotografias do instagram. É uma óptima saída à falta de inspiração e não somos todos um bocadinho viciados na aplicação...?
- E também não tem mal que o enchamos com fotografias do pequeno almoço, do almoço e do jantar. E das flores que o namorado deu. E do gato a dormir. E da nova edição da Kinfolk. De todos os clichés. So what?
- É normal sentir uma pontinha de inveja quando vemos que as outras meninas recebem produtos para experimentar e nós não. Afinal, quem é que não gosta de uns bons free goodies?
- Tal como também faz parte querer aquela maquilhagem cara que a blogger y falou. Se calhar até nem nos falta... Mas parece tão gira e fica-lhe tão bem...!
- Não faz mal criar amizades fora deste mundo blogueiro... E é normal que se fale desta ou daquela blogger. - E que nem sempre se fale bem, não sejamos hipócritas.
- Mas é muito feio expor as falhas dos outros por aqui. No fundo, sempre fomos ensinados que quando não gostamos "deixamos à beira do prato". Mais uma vez, não podemos agradar a gregos e a troianos. E quando não gostamos, o botãozinho com o X, lá em cima, faz maravilhas!
- Mas também não tem mal nenhum quando nos mantemos fieis à nossa essência.

E isto tudo porque cada vez mais gosto deste cantinho como ele é e pelo que ele é. E por ser um espelho do que eu sou - either you like it or not.

28 comentários

  1. Olá Mafalda,

    Sou uma seguidora assídua deste blog por tudo aquilo com que me identifico e pelo carinho, cuidado e atenção que vejo em cada post! Por isso os meus Parabéns pelo blog e pela sinceridade aqui exposta!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. gosto. concordo. e acho que se tens um cantinho teu, tens de ser tu própria. o resto pouco ou nada importa *

    ResponderEliminar
  3. oh mafalda sinto-te um bocadinho triste ou desapontada :-( mas tocas em pontos muito assertivos. quanto a clichés A-D-O-R-O, ainda há uns tempos comentámos que os nossos instangrams estavam cheios de fotos dos gatos, e se queres saber não estou nem ai se é aborrecido ou sempre repetido e a verdade é que a vida é feito mesmo disso de coisas corriqueiras e banais:-) beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh minha querida, nada disso.
      Em tempos havia muito neste mundo dos blogs que me deixava em baixo, que me afectava mesmo. Hoje só me apeteceu ser sincera e falar de uma data de coisas que sei que se passam nos "bastidores" de tudo isto. Coisas chatas... Mas nada de mais. ****

      Eliminar
    2. olha sabes aquele ditado que diz: os cães ladram e a caravana passa? acho que se enquadra na perfeição a este mundo virtual que consegue trazer coisas tão boas e ao mesmo tempo coisas mesmo mesmo feias:-)
      beijinhos e bom resto de semana****

      Eliminar
  4. Amen, é o que digo sobre este post. Ultimamente tenho visto tantos comentários e posts cheios de maldade que até perco um bocado o interesse...

    ResponderEliminar
  5. "Mas é muito feio expor as falhas dos outros por aqui. No fundo, sempre fomos ensinados que quando não gostamos "deixamos à beira do prato". Mais uma vez, não podemos agradar a gregos e a troianos. E quando não gostamos, o botãozinho com o X, lá em cima, faz maravilhas!" PURO AMÉN!!!!!

    ;)

    ResponderEliminar
  6. Só leio quem gosto e quem de certa forma me inspira. Só se deve ficar, se interessa.Beijos

    ResponderEliminar
  7. Clap Clap Clap
    E é por coisas como estas que, ou o Malmequer (e tu!) mudam muito, ou este vai ser para sempre o meu blogue (e a blogger!) favorito/a <3

    ResponderEliminar
  8. A verdade é que nem todos fomos ensinados da mesma forma, caso tivéssemos sido, a blogosfera era um espaço de partilha e troca de ideias e não de ataques baixos de pessoas miseráveis, mesquinhas, infelizes e invejosas =)
    Todos nos inspiramos, todos copiamos, todos falamos muitas vezes das mesmas coisas, e não são esses aspectos que nos anulam enquanto pessoas. A essência de cada um está sempre presente, é preciso sim saber dar um toque pessoal ao que está em nosso redor.
    E quem fala verdades como estas todas, não merece castigo, merece é PRENDAS (lol) <3

    ResponderEliminar
  9. Um post bonito e sincero que só podia vir de uma pessoa como tu... gostei muito muito <3

    ResponderEliminar
  10. Não podia estar mais de acordo. A critica e tudo e todos consegue ser, na maioria das vezes, cansativa e pouco real, ainda por cima criticas devido a coisas tão insignificantes.
    Gostei muito muito deste post Mafalda. Ás vezes é preciso que sejam lido textos assim como o teu :)

    ResponderEliminar
  11. Adorei este post! Aliás, é difícil não adorar um post teu. Sem dúvida, um dos meus blogs favoritos :) *

    ResponderEliminar
  12. O outro dia vi uma imagem que dizia "all the blogs post the same thing", ri-me e confesso que concordei. Depois de ler o que disseste aqui vejo isso por um novo prisma. Obviamente que se for ler 5 ou 6 blogs de "moda" todos esses vão falar da tendência e dos produtos must have (e eu agradeço por isso). Por outro lado se for a blogs de música/decoração/cozinha, esses vão falar todos exactamente da mesma coisa. Aqui como dizes, entra a nossa selecção natural e o nosso discernimento em clicar no X. Eu sou a tal que revirou o olhos a tantas kinfolks espalhadas por aí, mas lá está (citando em parte a Bee) não me armei em parvalhona e apontei o dedo só porque sim (e tu sabes bem que quando não gosto de algo não tenho problemas em dizer).

    Resumindo? Mafaldinha não és nova neste espaço portanto já sabes o que a casa gasta, normalmente os que mais se queixam são os que se dizem "os mais originais" e no final nem sempre é assim. Mantém a tua essência, isso sim é que importa e o que me fez gostar de te conhecer. *

    ResponderEliminar
  13. Que bom ler esse texto, tão cheio de amor e sinceridade. Acho que todos precisamos nos permitir sermos um pouco mais clichê, um pouco mais livres para confessar pequenos (e inofensivos ) vícios... Belíssimo post!

    http://naomemandeflores.com

    ResponderEliminar
  14. sincero e verdadeiro, cada um faz com o seu blog o que bem entender, pode-se inspirar onde bem entender e pode ter as opiniões que bem entender, porque afinal foste tu que o criaste, que o alimentaste com as tua ideias, que te inspiraste e que o mantiveste activo, é teu só teu e isso ninguém te/nos pode tirar. Tudo o que disseste acontece... tal como na vida criamos amizades com x ou y, comentamos coisa menos boas e não, não faz mal nenhum este teu blog ser a tua essência, porque senão nada disto faria sentido. Há que tornar a blogosfera mais num sítio de peace, love, inspiration, trocar o hate pelo share!

    ResponderEliminar
  15. Adorei ler esta tua snceridade, e acho que a identifcação ou não é a base de tudo, quem não se identifica segue outro rumo, o do X, e nada mais, o resto que além daí vier só pode ser feio...well done!

    ResponderEliminar
  16. Um texto sincero. Apoiado e apreciado!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. E fica muita coisa dita e muita por dizer :)
    A diversão e ter um blog é exactamente isto tudo e muito mais, tu sabes que adoro vir aqui espreitar o teu Malmequer, identifico-me muito com o que por aqui tens/escreves/mostras e eu mantenho-me sempre fiel ao que gosto :)
    Parabéns adorei a ideia ♥

    ResponderEliminar
  18. Isto dava um comentário enorme... não podia concordar mais contigo, acho que no fundo cada um o devia fazer porque gosta, vejo muitas coisas menos boas que simplesmente passo ao lado, acho que nos devíamos lembrar das melhores que o blog trouxe e esquecer as outras, como fazemos com o resto normalmente. Cada um tem a sua essência e são esses que dá um brilho nos olhos ao ver um novo post. E quero acreditar que isso existirá sempre (e o teu é prova disso).

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Muitos claps a este post, sem dúvida :) Disseste tudo, e tudo muito bem!!! É uma coisa pessoal, nossa, com as nossas ideias!! Se são as mesmas que as da vizinha do lado, qual é o mal de as expormos também? Na verdade eu acho que se cada blogger se manter fiél a si mesmo (e aí é que reside o segredo), nunca terá um blog igual ao de ninguém... Porque não existem duas pessoas iguais. A verdade é que, como em muitas outras coisas, o seguredo é gosto próprio. (mas para tal é necessário muita inspiração, que é bem diferente de CÓPIA, óbvio). Enfim, amei tudo o que escreveste!!!

    Quanto à relação entre os nossos dois posts (eheh) eu achei que a partir do momento em que o blog nos traz algum rendimento, também temos que ganhar outra responsabilidade no sentido de informar os leitores (e não em termos de conteúdos, claro) :D


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. E pronto disseste tudo, não podia estar mais de acordo.
    E este teu cantinho é adorável :)

    ResponderEliminar
  21. disseste tudo, muito bem escrito e sincero! :)

    ResponderEliminar

Contact

Com tecnologia do Blogger.

Instagram - @mafalda_beirao

© MALMEQUER
Design by The Basic Page