"- Dançar - respondeu o homem-carneiro. Enquanto houver música, deves continuar sempre a dançar. Compreendes o que te estou a dizer? Dançar, continuar sempre a dançar. Não perguntes porquê. Não te ponhas a pensar no sentido das coisas. O significado pouco ou nada importa. Se começares a pensar nisso, os teus pés ficam bloqueados. E, uma vez parado, deixarei de te poder ajudar. A ligação entre nós deixará de existir. Para sempre. E a ti, só te restará viver unicamente neste mundo. Serás progressivamente sugado para dentro dele, dê lá por onde der. Mesmo que te pareça uma perfeita estupidez, não penses duas vezes. Continua sempre a fazer os passos, um após outro. E tudo o que estava endurecido e bloqueado, aos poucos começará a perder a rigidez. Para certas coisas ainda não é demasiado tarde. Utiliza todos os meios ao teu alcance. Dá o teu melhor. Não há que ter medo. Bem sei que estás cansado. Cansado e com medo. Acontece aos melhores, não sei se estás a ver? Toda a gente passa por isso, por esses momentos em que tudo parece perdido. Agora vê lá, não deixes que os teus pés fiquem parados.”
Haruki Murakami in Dança Dança Dança

Já não é a primeira vez que demonstro pelo blog o meu encanto por este escritor. Principalmente por isto... A magia que ele mete nas palavras e a forma como as manipula e nos deixa a pensar nisto. 
Não sei se foi por precisar de “ouvir” algo assim ou apenas por achar as palavras inspiradoras, mas tinha de vos mostrar isto e de vos transmitir a mensagem... Desistir não é - nem nunca foi - solução. O mundo parece cinzento? Então que o pintemos. Parece algo complicado? Então que o tentemos compreender para parecer mais simples. Mas acima de tudo, nunca baixar os braços. E acho que irei voltar algumas vezes a este post só para reler esta recomendação do homem-carneiro. Nunca deixar os pés pararem, nunca parar de dançar, nunca deixar que as forças desaparecam. Porque haverão dias melhores. 

Por agora, tratem de aproveitar o fim-de-semana tão bom que aí vem! Para os sortudos que irão estar pela Moda LX, tratem de aproveitar cada bocadinho e relatem isso pelos vossos cantinhos. Para quem irá ter um fim-de-semana de descanso, aproveitem as esplanadas, as praias, os jardins, tudo! Mas não se deixem ficar em casa nem se enfiem em centros comerciais! 
Eu vou apostar num almoço ao ar livre no meu restaurante favorito - o Terra que vos falei aqui e no qual a TimeOut desta semana oferece 50% de desconto na refeição! - e vou aproveitar ainda para conhecer o Sétimo - que também já vos dei a conhecer. E claro, sempre em óptima companhia e com muito espírito positivo!

Bom fim-de-semana a todos! 

____

Poderão encontrar este livro do Murakami e muitos mais aqui, no site da WOOK.

21 comentários

  1. adorei este post e a mensagem... concordo em absoluto, que belas palavras... homem carneiro... há um em cada um de nós... e temos de nos forçar a fazê.lo dançar <3

    um belo fim-de-semana! :)

    Giveaway – win a super cool earring!
    My Fashion Insider

    ResponderEliminar
  2. Eu vou estudar :(
    Diverte-te e boas vibes :P

    ResponderEliminar
  3. Foi o primeiro livro dele que li e fiquei apaixonada por ele e pela magia que como tu bem disseste, coloca nas palavras!!
    'Enquanto houver música, deves continuar sempre a dançar.' Tão bom!!

    Haverão SEMPRE melhores dias :))***

    ResponderEliminar
  4. Oito dos meus dedos por um decimo do talento do senhor. Os restantes dois bastavam-me para teclar a escrita.

    Esse pedaço, esse excerto tem tanto do autor, principalmente depois de lermos o diário dele.

    ResponderEliminar
  5. Imagens maravilhosas e inspiradoras. Gosto.
    Bom fim-de-semana para ti.

    ResponderEliminar
  6. tão bom :) estava mesmo MESMO a precisar de ouvir/ler uma coisa destas! foste o meu homem-carneiro eheh *

    ResponderEliminar
  7. Adorei o post e tens toda a razão, nunca desistir!
    Bom fim de semana babe, eu vou tentar aproveitar também :)

    Giveaway :) Participa..
    http://likecrystalwater.blogspot.com/2012/03/giveaway-damselfly.html

    ResponderEliminar
  8. o diogo adora o murakami! e eu quero taaanto chegar a lisboa para começar a ler romances e livros bons! faltam dez diaaaaaaas :DD

    ResponderEliminar
  9. oh q bonito! certamente um post a revisitar :) bom fds!!

    ResponderEliminar
  10. Já ouvi falar tanto deste escritor que vou tirar a teima e lê-lo, concerteza. Um beijinho enorme e espero que a tese esteja a correr lindamente.

    ResponderEliminar
  11. Já há muuuuito tempo que quero ler os livros deles mas, nem sei porquê, ainda não li um único livro do Hanuki Murakami :(
    Por enquanto, tenho que ler os livros que estão ainda em "lista de espera". Mas quando os despachar , já sei quais serão os próximos ;) *

    ResponderEliminar
  12. " Agora vê lá. Não deixes que os teus pés fiquem parados." - Que frase brutal! Esta também vai para o meu livrinho!!

    Tenho ficado curiosa quanto a este escritor. Quando terminar todos os que tenho cá em casa, este vai ser a próxima escolha!! *

    ResponderEliminar
  13. Bom fim-de-semana maf e obrigada por este poema adorei e li tanto de mim nele!

    ResponderEliminar
  14. Muito bonito o poema :)

    Este fim de semana é mesmo para aproveitar o solinho bom, eu fui até à praia! eheh

    xoxo F.

    ResponderEliminar
  15. olha a coincidencia:

    http://honeylovesgold.blogspot.com/2011/02/danca.html

    :)
    LOVE murakami. totalmente.
    é o meu absolute fav! <3

    ResponderEliminar
  16. Este post está um máximo e as imagens também!
    Os morangos deixaram-nos com água na boca eheh

    http://consuminimo.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  17. Adoro o Haruki Murakami !! :)


    http://apiquenarachel.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  18. Belas imagens e belo texto :)
    Adorei esta parte:

    "Dá o teu melhor. Não há que ter medo. Bem sei que estás cansado. Cansado e com medo. Acontece aos melhores, não sei se estás a ver? Toda a gente passa por isso, por esses momentos em que tudo parece perdido. Agora vê lá, não deixes que os teus pés fiquem parados."

    ResponderEliminar
  19. este fim de semana pode-se dizer que foi intenso, e tu melhor que ninguém sabes porque o digo.
    a nossa tarde no Sétimo foi perfeita, em mais do que um sentido, e muito embora tenha passado um calor do camandro e o raio dos empregados nunca mais nos atenderem, foram as melhores horas do meu domingo.

    (tenho de voltar ao Murakami, mas ainda n consegui largar o raio do sueco!)

    *******

    ResponderEliminar

Contact

Com tecnologia do Blogger.

Instagram - @mafalda_beirao

© MALMEQUER
Design by The Basic Page